Armas não matam, a certeza da impunidade sim

O argumento do candidato a presidência Jair Bolsonaro e seus filhos, que se cada cidadão brasileiro tivesse uma arma em casa sua segurança estaria garantida, é um argumento demagógico, eleitoreiro, populista e malicioso, policiais treinados morrem em casa, na rua, no trabalho e no lazer. Imaginemos um vizinho que possua uma arma em casa e…

Avalie isto:

O Boicote Bolsonaro

Finalmente há uma semana, pela primeira vez a Globo News pronunciou o nome do presidenciável Jair Bolsonaro. Eliana Cantanhêde, prolixa em alguns comentários, enveredou sobre a divulgação de uma pesquisa, realizada após a prisão do líder petista, e adjetivou: “o hipócrita Jair Bolsonaro” (?) tem vinte e cinco anos na vida pública, foi eleito a…

Avalie isto:

Lula preso. E a tal “convulsão social”?

“Lula preso”. Por quanto tempo sonhamos ouvir essas duas palavras combinadas. Foram anos de espera e indignação, aliadas à quase certeza de que o chefe da maior organização criminosa do país sairia impune. Quantos duvidaram? Muitos. E com razão, afinal, a expressão “Lula preso amanhã” se tornou sinônimo de piada nas redes sociais. Pois o…

Avalie isto:

A política como instrumento transformador

O processo de politização do povo brasileiro, em larga escala, é um fenômeno jamais visto na história do Brasil. Nunca se falou tanto em política, como nos últimos quatro anos. Tudo isso fomentado pelos grandes escândalos na República e pelo anseio do povo em mudar, almejando dias melhores. Estamos em ano de copa do mundo;…

Avalie isto:

Ainda não é xeque-mate

A prisão do ex-presidente Lula é, definitivamente, o evento mais importante acontecido na República brasileira no presente século. O atual “presodente”, _expressão que adquire sentido através do neologismo quando verificamos o tratamento e zelo diferenciado dispensado ao condenado Luiz Inácio Lula da Silva _ gozou de um período de estabilidade política e econômica quando fora…

Avalie isto: